Filtrar Mensagens:

  

nº 521, publicada a 07 de Outubro de 2018

O maior erro do homem é pedir explicações à vida quando ela lhe responde primeiro.

RECEBIDA: CL

29 de Setembro de 2018

  

nº 522, publicada a 22 de Novembro de 2018

O Mundo perde-se em si próprio num misto de revolta e esperança.

Espera, aguarda... Que o homem oiça toda a sua voz de encantamento perdido logo após a criação e nunca mais encontrado no desfrutar do que de belo dispunha.

O homem julga o Mundo como se ele fosse cego e surdo de sentimentos, como se não sentisse cada "alfinetada" por mais pequena que seja e que o fere, fazendo brotar o sangue das suas entranhas, que embora imóveis são dotadas de uma força imensa reduzindo e comparando o homem ao mais ínfimo dos seus actos.

Um Mundo humilde que não hesita em se tornar arrogante na resposta que dá ao seu gemido solitário e desamparado.

O homem questiona, questiona sempre a arrogância do Mundo, não entendendo que é na falta de humildade que reside o seu maior problema.

RECEBIDA: CL

24 de Outubro de 2018

  

nº 523, publicada a 22 de Novembro de 2018

Teme quando o humilde traja arrogância.

RECEBIDA: CL

24 de Outubro de 2018

  

nº 524, publicada a 22 de Novembro de 2018

Não subas muito alto quando só uma das tuas pernas caminha para a humildade.

RECEBIDA: CL

24 de Outubro de 2018

  

nº 525, publicada a 22 de Novembro de 2018

Sê puro e sincero na razão de existir.

RECEBIDA: CL

06 de Novembro de 2018

  

nº 526, publicada a 22 de Novembro de 2018

A arrogância tal como a erva daninha, uma vez semeada, cresce descontrolada.

RECEBIDA: CL

06 de Novembro de 2018

  

nº 527, publicada a 22 de Novembro de 2018

Tecnologia é o motor do caos.

RECEBIDA: CL

09 de Novembro de 2018

  

nº 528, publicada a 22 de Novembro de 2018

A morte morreu em tarde de Sol que a Lua esconde, o dia não mostra e o silêncio leva.

Gritos de dor emergiram da sua alma vazia, vazia de tudo que a luz não mostra e a sombra partilha.

Partiu ensombrada pelo marasmo em que o homem se tornou, a luz não acalentou e o céu não rasgou.

RECEBIDA: CL

13 de Novembro de 2018

  

nº 529, publicada a 22 de Novembro de 2018

A vida é como um baloiço, só avança com o teu impulso.

RECEBIDA: CL

17 de Novembro de 2018

  

nº 530, publicada a 22 de Novembro de 2018

Não cries obstáculos a ti próprio, eles já existem algures na tua vida.

RECEBIDA: CL

17 de Novembro de 2018