nº 423, publicada a 20 de Outubro de 2014

Muita dor e desespero se aproxima da vossa nação, o regresso aos momentos de revolta invadirão a vossa fronteira com os tormentos vizinhos. Faltará o pão e o sustento a muitos que desesperados partirão rumo a um destino incerto certo de discórdia e sofrimento.

Não estais imunes ao tormento da fé e do desespero, muito será exigido ao povo que de mãos vazias caminhará e vagueará pelas ruas.

RECEBIDA:CL

29 de Abril de 2014