Filtrar Mensagens:

  

nº 1441, publicada a 14 de Fevereiro de 2020

A dor da água se mostrará em Salónica.

RECEBIDA: CL

25 de Dezembro de 2019

  

nº 1442, publicada a 14 de Fevereiro de 2020

As badaladas da morte soarão em Queensland.

RECEBIDa: CL

26 de Dezembro de 2019

  

nº 1443, publicada a 14 de Fevereiro de 2020

Acordará Lisboa com o manifesto de morte que o oposto imporá na 2ª Circular.

RECEBIDA: CL

28 de Dezembro de 2019

  

nº 1444, publicada a 14 de Fevereiro de 2020

Irromperá a dor da Terra na Islândia, posto à prova o povo e o Mundo.

RECEBIDA: CL

30 de Dezembro de 2019

  

nº 1445, publicada a 14 de Fevereiro de 2020

De Nagasaki se cobrirão os céus do Irão.

RECEBIDA: CL

02 de Janeiro de 2020

  

nº 1446, publicada a 14 de Fevereiro de 2020

Em dia que a memória lembra, vivida será a morte na Turquia, sem que a vida dance e a morte não festeje.

RECEBIDA: CL

04 de Janeiro de 2020

  

nº 1447, publicada a 14 de Fevereiro de 2020

Contada será a desgraça em Cleveland, ao som da despedida ecoarão os corpos cravejados de dor e saudosos do leito de paz.

RECEBIDA: CL

04 de Janeiro de 2020

  

nº 1448, publicada a 14 de Fevereiro de 2020

Aprovada será a desgraça que a morte assiste na vossa nação.

RECEBIDA: CL

07 de Janeiro de 2020

  

nº 1449, publicada a 14 de Fevereiro de 2020

Nobre corrente tremerá os seus elos na Pensilvânia.

RECEBIDA: CL

08 de Janeiro de 2020

  

nº 1450, publicada a 14 de Fevereiro de 2020

Correrá sem governo o leito na rua em Mortágua.

RECEBIDA: CL

14 de Janeiro de 2020

  

nº 1451, publicada a 14 de Fevereiro de 2020

De aves se cobrirá o céu do Irão, gritará alto o pássaro que a morte devolverá.

RECEBIDA: CL

14 de Janeiro de 2020

  

nº 1452, publicada a 14 de Fevereiro de 2020

Libertados os cavaleiros que ao destino trarão a razão. O fim padecerá da sua justiça sem que a razão não haja e o tempo não se cumpra.

RECEBIDA: CL

14 de Janeiro de 2020

  

nº 1453, publicada a 14 de Fevereiro de 2020

Sangrará Nuremberga, pela morte que o tempo trará.

RECEBIDA: CL

18 de Janeiro de 2020

  

nº 1454, publicada a 14 de Fevereiro de 2020

Em dia que a festa se comemora, cobrir-se-á de negro a dor da morte que o oposto impõe na Suécia.

RECEBIDA: CL

19 de Janeiro de 2020

  

nº 1455, publicada a 14 de Fevereiro de 2020

Londres viverá o desespero que a morte traz e o destino não evita.

RECEBIDA: CL

23 de Janeiro de 2020

  

nº 1456, publicada a 14 de Fevereiro de 2020

Tremerá o poder na Macedónia em tempo que o país não tem e o destino não contempla.

RECEBIDA: CL

28 de Janeiro de 2020

  

nº 1457, publicada a 14 de Fevereiro de 2020

Teresópolis conhecerá a fúria da Terra que mostrará a sua dor em terreno que quebra e encantamento não desperta.

RECEBIDA: CL

28 de Janeiro de 2020

  

nº 1458, publicada a 14 de Fevereiro de 2020

Amanhecerá Angra do Heroísmo com a dor que da Terra brota.

RECEBIDA: CL

28 de Janeiro de 2020

  

nº 1459, publicada a 14 de Fevereiro de 2020

Intrigado o mundo pelo que o destino reserva a Nova Caledónia.

RECEBIDA: CL

11 de Janeiro de 2020

  

nº 1460, publicada a 14 de Fevereiro de 2020

Surgirá na Amazónia o fim do principio que a civilização conhece, dizimando o inicio para o fim que o homem impõe.

RECEBIDA: CL

11 de Fevereiro de 2020