nº 129, publicada a 16 de Fevereiro de 2015

Ai daqueles que vivem pelo amor dos sentidos, pelas paixões serão destruídos.

RECEBIDO: RF

06 de Agosto de 2014