nº 244, publicada a 04 de Maio de 2015

O resultado para o bem e para o mal será tão forte quanto a qualidade da força que empregues nos teus actos.

RECEBIDA: CL

14 de Abril de 2015