nº 252, publicada a 08 de Junho de 2015

O homem é vazio de verdade, não vive em verdade, nega a verdade e morre sem saber a verdade.

RECEBIDA: CL

15 de Maio de 2015